domingo, 12 de fevereiro de 2017

CERTEZA

Certeza? Não há certezas.
Tudo é questionável.
Do milagre ao acaso.
Da vida à morte.
Do mais simples ao mais complexo.
Do real ao imaginário.
Do que se lê ao que se escreve.
De quem conta a quem ouve.

Da dor ao amor.
Da minha verdade à sua.
Da coragem ao medo.

Da certeza à dúvida.



Nenhum comentário:

Postar um comentário